O que é Auto-Hemoterapia (para que serve, benefícios e riscos)

Imagine um tratamento que não utiliza médicos ou medicamentos. E que o único “remédio” utilizado está dentro do nosso corpo. Agora imagina você tirar sangue da sua veia e injetar em seu próprio corpo. Será se isso existe e funciona realmente para curar alguns tipos de doença? Para responder estas e outras perguntas você precisará entender o que é a auto-hemoterapia.

o que é Auto-Hemoterapia

O que é Auto-Hemoterapia, para que serve, benefícios e riscos

A auto-hemoterapia é justamente este procedimento. Retirar o sangue do seu corpo e injetá-lo novamente, por via intramuscular. Apesar de ser um procedimento polêmico, por não ser reconhecida pela classe médica, tem se mostrado muito eficiente, principalmente pelos pacientes que fazem uso deste tipo de tratamento.

Neste artigo você saberá como funciona a auto-hemoterapia, se realmente cura um grande número de doenças (incluindo a diabetes), se é possível emagrecer fazendo uso da auto-hemoterapia, qual seu preço e onde fazer.

O que é / Como funciona

A auto-hemoterapia é um tratamento na qual se retira o sangue do paciente através da veia e se aplica novamente no nosso organismo por via intramuscular, geralmente na coxa, no braço ou na nádega.

A quantidade de sangue reaplicado varia de 5 a 10 ml e tem como objetivo curar diversos tipos de doenças, principalmente as auto-imunes. Em alguns casos, a aplicação pode chegar a 20 ml de sangue. Quando for necessária esta quantia, se orienta dividir a aplicação, 10 ml no braço ou na coxa e 10 ml na nádega.

A explicação para o tratamento se deve ao fato de que quando se reintroduz o sangue em nosso organismo, nosso sistema imunológico começa a trabalhar pois verifica que está ocorrendo uma alteração.

O principal defensor da auto-hemoterapia foi o Dr. Luiz Moura, médico falecido no ano de 2016. Ele começou a fazer uso deste tratamento em 1943, quando ainda era estudante de medicina.

Para que serve

A auto-hemoterapia serve para curar diversos tipos de doenças. Isso é feito graças aos mecanismos de defesa do nosso organismo que agem no momento que injetamos nosso próprio sangue.

Utilizando termos mais técnicos, o que ocorre é uma estimulação dos macrófagos. Para continuar a entender o que é a auto-hemoterapia é preciso saber o que são macrófagos.

Macrófagos: são células encontradas no tecido conjuntivo e que tem como função fazer a defesa de nosso organismo. Seu principal objetivo é realizar a fagocitose, ou seja, fagocitar (ou destruir) as células danificadas, velhas e até mesmo necrosadas.

Após entender este conceito, fica fácil perceber como o procedimento de auto-hemoterapia pode nos ajudar, em alguns casos até mesmo destruindo as células cancerígenas.

Quando ocorre a aplicação da auto-hemoterapia, a taxa de macrófagos fica 4 vezes maior do que teríamos sem a aplicação deste método.

Outra função dos macrófagos é “avisar” nosso sistema imunológico sobre a presença de micróbios.

Podemos dizer então que a auto-hemoterapia serve para fortalecer nosso sistema imunológico e curar diversos tipos de doença.

Benefícios

Mesmo não sendo um tratamento reconhecido pela classe médica, os pacientes que fazem uso do tratamento da auto-hemoterapia relatam a cura ou melhora nos sintomas das seguintes doenças:

  • Acne e rosácea;
  • Asma, rinite, sinusite, bronquite, resfriados gripes e outras doenças infecciosas e respiratórias;
  • Depressão, ansiedade e outras doenças emocionais;
  • Feridas que não curam;
  • Fibromialgia;
  • Lupus;
  • Artrite reumatóide;
  • Diabetes;
  • Febre reumática;
  • Hipertensão;
  • Hepatite C;
  • Herpes;
  • Psoríase.

Uma dúvida muito comum das pessoas é se a auto-hemoterapia emagrece. Não existe comprovação científica nem mesmo para as doenças que os pacientes relatam cura, para o emagrecimento menos ainda.

Os depoimentos de pacientes não dão conta de perda de peso por quem faz uso deste procedimento, portanto, se o seu objetivo é a perda de peso, utilize outros métodos e consulte um nutricionista.

Indicações

A auto-hemoterapia é indicada para todas as pessoas que possuem qualquer uma das doenças acima listadas e que queiram fazer uso deste tratamento alternativo que tem beneficiado um grande número de usuários.

Mesmo quem não possua estas doenças pode se aproveitar dos benefícios da auto-hemoterapia, uma vez que como ela aumenta a imunidade do nosso organismo, serve para prevenir um grande número de doenças, como resfriados e gripes.

Riscos e efeitos colaterais

Não existem efeitos colaterais em decorrência desta prática. Como ocorre uma retirada e aplicação de sangue por meio de uma agulha, o paciente pode sentir dor ou vermelhidão nestes locais, mas fora isso, não são relatados outros sintomas.

Com relação aos riscos, é preciso estar atento. Apesar de não haver relatos de riscos à saúde em decorrência desta prática, a auto-hemoterapia não é reconhecida pela classe médica.

E mais grave ainda, o Conselho Federal de Medicina lançou um parecer em 2007 informando que este procedimento não tem efetividade científica comprovada e que poderia até mesmo trazer danos para o corpo humano. A Associação Brasileira de Hematologia e Hemoterapia (ABHH) segue a mesma linha do Conselhor e até mesmo a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) fala dos riscos destas técnicas.

Por ser um procedimento experimental, os médicos são proibidos pelo CFM de utilizar este tratamento. Esta proibição consta nas resoluções 1.609/2000 e 1.499/98, que diz que apenas os procedimentos aprovados pelo Conselho Federal de Medicina são válidos e que os médicos são proibidos de utilizarem práticas terapêuticas não reconhecidas pela comunidade científica.

Outro Conselho que não reconhece a prática é o CFF (Conselho Federal de Farmácia), que seguindo os mesmos argumentos do CFM, proíbe a prática por farmacêuticos.

Os principais riscos relatados pela classe médica na aplicação da auto-hemoterapia são:

  • Uma vez que não é aplicado por médicos, pessoas destreinadas (que não saibam manusear corretamente a seringa) podem causar hematomas graves nos pacientes;
  • De acordo com alguns médicos, não tem sentido colocar em circulação um sangue que até pouco tempo já estava circulando em nosso organismo;
  • O organismo pode estranhar este sangue, causando algum tipo de alergia ou até outras doenças.

Preço e onde fazer

Não existe um local para fazer este procedimento e como você já descobriu neste artigo, nenhum médico está autorizado a realizar tal tratamento.

Então quem vai retirar e reaplicar o seu sangue? Na internet você encontrará muitos profissionais da área da saúde que se propõe a realizar tal procedimento.

Em geral, são enfermeiros ou técnicos e auxiliares de enfermagem, que vão até a sua residência. Em clínicas ou farmácias o procedimento também não é realizado.

O preço varia de profissional para profissional, mas em geral se cobra R$ 35,00 para cada aplicação. Geralmente se faz uma aplicação semanal e o tempo de tratamento é indefinido.

É importante salientar e deixar os profissionais que realizam este procedimento avisados que esta prática não é permitida. Isso é tratado na RD 153/2004, que determina o Regulamento Técnico para os procedimentos hemoterápicos.

Segundo esta resolução, as extrações de sangue com fins terapêuticos só podem ser feitas quando solicitadas por escrito por médicos. Os profissionais que efetuam tal procedimento estão exercendo a medicina ilegalmente.

Conclusão

Após ler este artigo, você já esclareceu suas dúvidas sobre o que é a auto-hemoterapia, quais são seus benefícios e para que ela serve. Também descobriu que, apesar de tantos relatos positivos por parte dos pacientes, esta não é uma prática aprovados pelos Conselhos de Medicina, de Farmácia e órgãos de saúde. Sendo um procedimento polêmico, é você que deve analisar as vantagens e desvantagens e se é um caso que pode lhe auxiliar a tratar os seus problemas de saúde.

Links úteis:

 <<< Voltar ao início

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *